Inovação

Empresa criou carro elétrico para cadeirantes

Um carro elétrico para cadeirantes foi criado é menor que um carro Smart, e é ainda mais inteligente que um.

O Kenguru não tem assentos, e conta com uma velocidade máxima de 40 km/h e uma boa autonomia para áreas urbanas: em uma única carga, o veículo consegue rodar 100 quilômetros.

Apesar do protótipo ter seu design criado na Hungria, ele foi desenvolvido em uma fábrica no Texas, nos Estados Unidos.

A empresa ainda não definiu o preço final, apesar dos interessados terem a possibilidade de fazer uma reserva online.

De acordo com o comunicado no site oficial, o veículo elétrico está nos estágios finais de desenvolvimento, e um “novo imposto” poderá ser proposto ao governo pelo CEE, quanto à importação de veículos que atendem às necessidades de pessoas com deficiência.

Carro elétrico para cadeirantes já arrecadou mais de 4 milhões de dólares

A proposta chamou a atenção da mídia, e o projeto já arrecadou mais de 4 milhões de dólares em investimentos, o equivalente a R$ 21 milhões.

A tecnologia desenvolvida com os investimentos torna o veículo ideal para cadeiras, visto que o motorista entra no veículo pela porta traseira, que é acionada por um controle remoto.

Para abaixar rampa que o leva para o interior do Kenguru, é pressionada uma alavanca, e em nenhum momento é preciso sair da cadeira de rodas.

Para que a rampa abaixe totalmente, demora cerca de 15 segundos, e, ao entrar, basta “estacionar” no local, visto que não existe banco de motorista.

O banco do motorista é a própria cadeira de rodas, e então, basta utilizar o Kenguru assim como em um carro tradicional.

Os comandos no interior do carro são similares aos de uma motocicleta, visto que são fáceis e intuitivos para se navegar e conduzir o Kenguru.

O veículo pesa 290 kg sem as baterias, sendo um veículo muito seguro e compacto, não havendo problemas para estacionar, mesmo nos menores lugares.

Cadeirantes podem dirigir carros tradicionais com algumas modificações, mas a verdadeira dificuldade está em que eles tem que se transferir dentro do veículo. Então, é uma grande oportunidade para pessoas em cadeiras de rodas manuais que querem realizar três tarefas em um sábado. É muito mais fácil “pular” no Kenguru. É quase um ciclomotor para alguém que é cadeirante.

Stacy Zoern, CEO

Fonte: Mashable, Kenguru Cars e Portal Acesse

Imagem em destaque: Foto/Reprodução Kenguru Cars

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo