Tecnologia

Tecnologia cria onda artificial para poder surfar em piscina

Uma tecnologia cria onda artificial para que surfistas possam praticar o esporte em piscina no Surf Ranch, em Leemore, na Califórnia.

Kelly Slater, o maior surfista profissional da história, que surgiu com a ideia de uma piscina com ondas artificiais e fez uma parceria com o professor de engenharia Adam Fincham.

A tecnologia criada se trata de um sistema que é responsável por produzir a mais longa onda artificial aberta de todo o mundo

Além disso, as ondas criadas artificialmente podem atingir até 2 metros, e a piscina com ondas artificiais pode ser dividida em quatro sessões.

Há espaços para realizar manobras de sobra, além de que as ondas podem quebrar tanto para esquerda quanto para a direita.

Essa piscina também pode ser programada para quebrar diferentes tipos de ondas, focados para iniciantes, intermediários e também profissionais.

Tecnologia cria onda artificial através de um hidrofólio

O grande responsável pela criação das ondas é um hidrofólio, que se assemelha a uma pá.

Esse hidrofólio é puxado a 30 km/h, por um “veículo” similar a um trem, em uma pista de 700 metros e 150 pneus de caminhões.

Por conta do formato de pá do hidrofólio e a velocidade em que a água é movimentada unido ao fundo da piscina, a onda perfeita é projetada.

A água da piscina é doce, enquanto o fundo dela é de um material parecido com o de um tapete de yoga.

No Surf Ranch, uma onda é gerada a cada 4 minutos, sendo que a onda em si dura apenas 50 segundos.

Nesse meio tempo que não há ondas, os amortecedores tem como função acalmar a água para que no tempo ideal, a água esteja totalmente parada e pronta para formar uma nova onda.

Preço para usufruir da tecnologia

Com toda esse tecnologia, um pacote para surfar durante o fim de semana no Surf Ranch custa aproximadamente $ 6,5mil, aproximadamente R$ 23 mil na época.

Os preços foram divulgados por uma agência de viagens em São Paulo, chamada Nivana Surf Trips.

O preço inclui somente a alimentação e a entrada no rancho, sendo por conta do surfista pagar tanto a hospedagem quanto as passagens de avião.

De acordo com a Trip, cada onda surfada custava, na época, cerca de R$ 1,5mil. Já cada manobra possível de ser realizada em uma só onda deveria custar aproximadamente R$ 120.


Fonte: Mashable, Revista Trip e Manasurf

Imagem em destaque: Imagem/Reprodução Surf Ranch

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo