Inovação

Cientistas criaram o mapa do mundo mais exato da história

Os cientistas da Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, criaram o mapa do mundo mais exato da história, batizado de Double-Sided Gott.

Os pesquisadores envolvidos no projeto, foram:

  • J. Richard Gott: Gott é um professor emérito de astrofísica na Universidade de Princeton;
  • Robert Vanderbei: professor de pesquisa operacional e engenharia financeira também da Universidade de Princeton;
  • David Goldberg: Goldberg é professor de física, que trabalha atualmente na Drexel University, também localizada nos Estados Unidos.

Eles redesenharam o mapa-mundi tradicional, e agora é possível verificar com perfeição todos os continentes de nosso planeta.

Anteriormente, no mapa do mundo tradicional, haviam distorções visuais que podem proporcionar diversos erros quanto às distâncias reais, o que foi eliminado nessa nova versão.

Os professores se basearam em um sistema de pontuação que também foi criado por eles, em 2007. Esse sistema é capaz de determinar a acurácia de mapas planos, e quanto mais próximo de zero estiver um modelo, mais fiel ele é a realidade.

O mapa do mundo mais preciso da história tem formato de um disco

O novo mapa do mundo tem o formato de um disco de duas faces, sendo redondo e similar a um LP de vinil.

De acordo com os professores, eles tomaram como base figuras sólidas com muitos lados, como os poliedros.

As duas faces são a chave para a inovação desse mapa, pois é através dessas faces que os problemas com limites das duas dimensões são resolvidos, sem perder as comodidades que existem em um mapa plano convencional.

Além disso, também devido a suas duas faces, é possível observar a escala real do planeta Terra, sendo mais similar com o globo terres que outros planos planos já feitos.

De acordo com os criadores do novo mapa, ele também poderá ser impresso em somente uma página, possibilitando que as pessoas possam o recortar e o girar, assim vendo todo globo terrestre.

Segundo J. Richard Gott, é possível segurar o mapa na mão e utilizar ele em uma simples caixa fina, que também poderia conter mapas de todos principais planetas e luas do sistema solar.


Fonte: Imagem e áudios: History

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo