Notícias

Veículo flutuante irá retirar 50 toneladas de lixo por dia dos rios

De fato, a questão da poluição dos rios e mares é uma das mais preocupantes e necessita de soluções eficazes. Uma delas é o uso do veículo flutuante, nomeado por The Interceptor, equipamento desenvolvido para captar resíduos plásticos dos rios.

Criado pela organização The Ocean Cleanup em parceria com a Konecranes, é uma resposta para livrar as águas do lixo.

Veículo Flutuante: como funciona?

Veja o funcionamento e as estruturas de um Interceptor

De início, os Interceptores são semelhantes às embarcações encontradas, mas direcionados para captar o lixo.

Sobretudo, a base do seu funcionamento é aproveitar o próprio fluxo da água para coletar os resíduos e depois eliminá-los.

Para isso, a estrutura deles conta com:

  • Barreira que conduz a água para a entrada do veículo flutuante;
  • Correia transportadora e ônibus espacial;
  • Seis lixeiras internas;
  • Sensores que avisam aos operadores em terra firme quando as lixeiras alcançam 100% da sua capacidade.

Dessa forma, o lixo passa pelas barreiras até chegar nas lixeiras, tudo de maneira autônoma. Ademais, todo o abastecimento energético é feito com a energia solar e baterias íon-lítio.

Logo, a organização The Oceans, garante que os veículos flutuantes conseguem extrair 50 toneladas (50 000 Kg) de lixo por dia!

E até mesmo dobrar esse valor em condições adequadas.

Resultados

Segundo os dados da organização, cerca de 1000 rios são responsáveis por 80% dos resíduos plásticos presentes nos oceanos.

Em outras palavras, esses rios são os principais na deposição de plástico nos oceanos, funcionando como uma “torneira” de resíduos.

Com isso, o lixo é retirado ainda no rio, ou seja, é impedido de chegar aos oceanos e depois reciclado. Assim, o objetivo é colocar o Interceptor em todos esses 1000 rios, no mundo todo.

De modo a contribuir para solucionar esse problema.

Quatro exemplares estão em atividade, divididos entre os rios da Indonésia, Malásia, República Dominicana e do Vietnã. Agora, a expectativa é produzir os veículos flutuantes em larga escala e colocá-los nos rios mais poluentes em até 5 anos.

Por isso, é preciso haver união entre fabricante, líderes dos países, outras empresas e estudiosos.

Em síntese, o veículo flutuante é uma excelente novidade que promete ajudar a solucionar a questão do lixo nos rios e oceanos. Então, é torcer para que essa inovação chegue aos outros países. Compartilhe!


Imagem em destaque: Foto/Reprodução Internet

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo