Notícias

Ford já tem data para abandonar os motores à combustão

A Ford da Europa e do Reino Unido já anunciaram que pretendem migrar dos motores â combustão para veículos elétricos até 2030.

Isto é, não há vez para os veículos já híbridos (motor de combustão + um motor elétrico), ou somente com motor à combustão, contando com as seguintes datas:

  • A produção de veículos híbridos irá ocorrer até 2026;
  • A produção de veículos com motor à combustão será até 2030.

Logo após, em suas respectivas datas, esses veículos irão se aposentar de forma definitiva, cessando totalmente sua produção e comercialização.

A frota será 100% elétrica até o ano de 2030 na Europa e Reino Unido com essa data, visto que nos Estados Unidos somente três estados em que a montadora está.

Nesses estados, há a data almejada de 2035 para ter os carro elétricos e de hidrogênio de forma plena em sua frota,

Os estados que devem se adaptar a essa nova fabricação nos Estados Unidos, são: Califórnia, Oregon e Washington.

Anúncio da Ford ocorreu na Alemanha

O anúncio da data ocorreu na Alemanha, onde também foi citado alguns veículos que em breve serão abandonados, com o Fiesta sendo o primeiro deles.

O Fiesta deverá ser trocado pelo crossover elétrico com base na plataforma MEB da Volkswagen, produzido em Colônia (Alemanha) a partir de 2024.

Impactos financeiros

O movimento de transformar os carros não irá ser barato, visto que somente a fábrica que e exclusiva aos elétricos, em Colônia, deverá custar mais de R$ 5 bilhões.

De acordo com Stuart Rowley, presidente da filial europeia da Ford, o sucesso do último trimestre de 2020 consolidou a reestruturação da Ford no continente em rumo à lucratividade.

Além disso, Rowley também afirmou que chegou a hora de um futuro completamente elétrico, com novos veículos e uma experiência do consumidor mais conectada.

Medidas estão sendo tomadas devido a leis e normas governamentais

Toda essa reestruturação da Ford no continente está sendo tomada devido a norma Euro 7, que entrará em vigor em 2026, a fim de iniciar o fim dos motores à combustão na Europa.

Já no Reino Unido, existe a legislação ambiental que decreta a “aposentadoria” de todos veículos à combustão até 2030.


Imagem em destaque: Foto/Reprodução Internet

Fonte: Notícias Automotivas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo